O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org.

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Funag promove seminario sobre Pensamento Diplomatico Brasileiro

Nota elaborada pela presidência da Funag (com adaptações temporais):

Funag organiza debate sobre principais nomes do pensamento diplomático Brasileiro


WorkshopNos dias 4 e 5 de julho de 2013, a Fundação Alexandre de Gusmão promoveu o workshop “Pensamento Diplomático Brasileiro”, em Brasília. Os participantes - acadêmicos e membros da carreira diplomática - fizeram um breve relato de seus textos, escritos para integrar um livro sobre o tema, e discutiram os aspectos mais importantes de cada apresentação. 
De acordo com o presidente da Funag, embaixador José Vicente Pimentel, o livro, que deve ser publicado ainda este ano, traz ensaios sobre personagens representativos de etapas importantes da história diplomática brasileira. “O livro destina-se ao público universitário, alunos e professores, e deve se tornar uma referencia na área”, acrescentou Pimentel. O livro deverá ser traduzido para o inglês e o espanhol.
No primeiro dia do workshop, durante a manhã, o embaixador Synesio Sampaio Filho fez uma explanação sobre Alexandre de Gusmão; a professora da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) Gabriela Nunes Ferreira, sobre Paulino Soares de Souza (o Visconde do Uruguai), o ministro Luís Claudio Villafañe, sobre Duarte da Ponte Ribeiro; o professor da Universidade de Brasília (UnB) Francisco Doratioto, sobre o Visconde do Rio Branco; e o secretário Kassius Pontes, sobre Euclides da Cunha.
De tarde, falaram o professor da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) Helder Gordim sobre Manoel Oliveira Lima; a professora da Universidade Federal de Sergipe (UFS) Tereza Cristina França sobre Domício da Gama; o ministro Eugênio Vargas Garcia sobre Cyro de Freitas Valle; o conselheiro Guilherme Conduru sobre José Carlos de Macedo Soares e o ministro Paulo Roberto de Almeida, que fez uma síntese do livro do embaixador João Hermes Pereira de Araújo sobre Oswaldo Aranha.
O segundo dia começou com a explicação do embaixador Carlos Henrique Cardim sobre Ruy Barbosa. Em seguida, dissertaram a professora da Universidade de São Paulo (USP) Angela Alonso sobre Joaquim Nabuco; o professor da UnB Eiiti Sato sobre o Almirante Álvaro Alberto; Rogério de Souza Farias sobre Edmundo Barbosa da Silva; o professor da UnB Antônio Carlos Lessa sobre Hélio Jaguaribe; e o professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRS) Paulo Visentini sobre José Honório Rodrigues.
Após o intervalo, resumiram seus textos o embaixador Gelson Fonseca Jr., que escreveu sobre San Tiago Dantas; o professor da UnB Carlos Eduardo Vidigal, sobre Augusto Frederico Schmidt; e o embaixador Ronaldo Sardenberg, sobre Araújo Castro.
Ainda participaram dos debates o embaixador Samuel Pinheiro Guimarães e o professor da UnB Estevão Martins.
Clique aqui para ver a estrutura do livro programado como resultado do Projeto:


Postar um comentário