O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org.

sábado, 11 de maio de 2019

Unesp divulga seus livros digitais: política externa e diplomacia


Veja Também

  • A dimensão subnacional e as relações internacionais
    A dimensão subnacional e as relações internacionais
    Maria Inês Barreto, Marcelo Passini Mariano, Tullo Vigevani, Luiz Eduardo W. Wanderley

    Confira o desconto em nossa livraria
    Trata de como as estruturas estatais não nacionais, chamadas de governos subnacionais, participam de um processo no qual a capacidade de compreender, se relacionar e cooperar com o mundo exterior é cada vez mais decisiva. São discutidas diferentes formações sociais e políticas, verificando como os governos subnacionais reagem ante as mudanças ocorridas nos campos político e econômico, regional e internacional.
  • A política externa brasileira - 2ª edição
    A política externa brasileira - 2ª edição
    Gabriel Cepaluni,Tullo Vigevani

    Confira o desconto em nossa livraria
    Quando, em 1985, José Sarney tomou posse como o primeiro governo civil após longos anos de regime militar, o país enfrentava uma grave crise econômica, e o modelo econômico de substituição de importações então vigente – que perdurava desde a década de 1930 –, além de criticado pelo FMI e pelo Banco Mundial, apresentava problemas. Esse contexto, aliado a outros fatores, como a ineficácia das medidas adotadas para controlar a inflação e manter o crescimento do PIB, provocava instabilidade e evidenciava a necessidade de mudanças na política econômica externa brasileira. Essas mudanças aconteceram gradualmente, traçando um novo desenho que buscava o fortalecimento da soberania do país.
  • Política externa e democracia no Brasil
    Política externa e democracia no Brasil
    Dawisson Belém Lopes

    Confira o desconto em nossa livraria
    Neste livro, o autor examina as relações entre democracia e política externa, tema para ele de indiscutível atualidade e importância, que, no entanto, tem escassa presença na literatura em língua portuguesa. A obra foca o Brasil após a redemocratização, em 1985, para avaliar se a política externa brasileira tornou-se mais democrática no novo contexto ou se, apesar de ter ganhado mais espaço na mídia nesse período, continuou sendo decidida exclusivamente pelo Estado.
  • Abolicionistas brasileiros e ingleses
    Abolicionistas brasileiros e ingleses
    Antonio Penalves Rocha

    Confira o desconto em nossa livraria
    Personagem dos mais importantes na história do Brasil, Joaquim Nabuco é visto neste trabalho de maneira original. A ênfase recai sobre como ele e a British and Foreign Anti-Slavery Society promoveram-se mutuamente. O autor realiza, nesse sentido, um revelador balanço da ação abolicionista de Joaquim Nabuco e de seu trabalho com sociedade antiescravista inglesa para a edificação de sua própria imagem de líder do movimento abolicionista brasileiro.
  • A crise financeira internacional
    A crise financeira internacional
    Fernando Ferrari Filho,Luiz Fernando De Paula

    Confira o desconto em nossa livraria
    A atual crise financeira internacional (2008-2009) pode ter desfecho menos dramático em relação ao da grande depressão de 1930, cuja solução definitiva foi o choque de demanda imprimido pela Segunda Guerra Mundial? Qual é o vínculo entre o desmonte das previdências públicas e a longa duração do colapso? O "Novo Brasil" resistiria a uma onda especulativa contra o real? Que cicatrizes este período deixará na economia e liderança dos Estados Unidos?

Nenhum comentário: