O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida;

Meu Twitter: https://twitter.com/PauloAlmeida53

Facebook: https://www.facebook.com/paulobooks

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

1300) Imprensa e corrupcao na e da sociedade

Recebi, de um jornalista trabalhando para um partido político (ao qual eu jamais me filiaria, mas tampouco me filiaria a qualquer outro, mas a este nem obrigado...), esta mensagem:

On 20/08/2009, at 17:04, xxxxxxxx@xxxxx.com.br wrote:

PARA OS (AS) AMIGOS (AS) QUE AINDA LÊEM JORNAIS BRASILEIROS, A FRASE ABAIXO É ATRIBUÍDA A JOSEPH PULITZER:

“Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma.” (Joseph Pulitzer)

Respondi o seguinte:

Acho que seria mais o contrário: líderes políticos corruptos, demagógicos, mercenários e vendidos corrompem o sistema político, destroem a confiança da população nas instituições e terminam por corromper a imprensa, também...
-------------
Paulo Roberto de Almeida

Addendum 1:

O mesmo jornalista respondeu o seguinte:

On 20/08/2009, at 17:56, xxxxxxxx@xxxxx.com.br wrote:

OU SEJA, COMO SE DIZ POR AI,tá tudo dominado!

Ao que respondi, novamente, nestes termos:

Não de forma nenhuma, não participo desse tipo de alienação, que na verdade corresponde a uma visão conspiratória da história.
Não, não está tudo dominado, e a prova está com o partido (ou seja lá como se poderia classificar hoje) ao qual voce serve atualmente: pessoas que tem um mínimo de dignidade, ainda que ingenuos ou equivocados por outros motivos em outros aspectos, têm a coragem de sair do partido, mesmo com algum prejuizo pessoal ou temporário.
Alguns não se deixam dominar pelo poder, justamente, ou pelo menos ostentam um asco legítimo com determinados arranjos...
-------------
Paulo Roberto de Almeida


Addendum 2:

O mesmo jornalista tornou a escrever-me, para dizer que a imprensa também pode agir como um partido político, e que nenhum dos partidos está isento desse tipo de "compromisso" no Congresso, ao que respondi:

De fato, a imprensa PODE ser, tambem, um partido político. Nem sempre, ou não necessariamente, mas ela também defende princípios, valores e interesses políticos, econômicos e sociais, que são os de quem controla esses meios. Isso é normal e esperado, pois em todas as instituições isso ocorre.
Mas, voce se engana quanto ao resto. Quando se chega ao poder é preciso, sim, fazer escolhas dificeis, pois a realidade é cruel.
Uma coisa, porém, se deve preservar: a dignidade e a honestidade intelectual.
Nao defendo absolutamente nenhum partido, e acho que todos se contaminaram com o poder e seus interesses pessoais. mas, um minimo de dignidade é esperada de quem ocupa o poder.
Cabe, pois, perguntar se quem ocupa o poder atualmente, e seu principal partido de sustentação, ainda exibem algum traço de dignidade e e um mínimo, que seja, de honestidade intelectual.
-------------
Paulo Roberto de Almeida

2 comentários:

Glauciane Carvalho disse...

Prof. Paulo,

Acrescento, talvez, até "pleonagicamente", pois o senhor foi conciso em suas explanações que, quem tem valores morais e princípios ideológicos firmes não se coaduna com a "escória" (desculpe-me pelo termo)política deste país. Acredito que alguns de forma "alienada" se permitem continuar, mas quando compreendem o verdadeiro sentido dos "bolcheviques brasileiros", em um sentimento de decepção, pedem para sair a la "Tropa de Elite".

O que na realidade, só nos leva a crer que NUNCA DEIXAMOS DE SER COLÔNIA..."
E aí presenciamos de forma atônita, exemplos como o arquivamento de todas as denúncias contra o presidente do Senado, sob um "tráfico e tráfego" de influência nojento do cacique da tribo. ("Mas, o que é isso companheiro ?!!!" de mãos dadas com o "brasileiros e brasileiras")
Isto é uma vergonha !!!!

Nossa Carta Magna, acaba de ser rasgada pelos bolcheviques e as lágrimas daqueles que fazem do estudo do Direito seu ideal de vida se petrificam nos olhos imersos em um mar de indignação e de absoluta ilusão de que este país ainda tem jeito...


Um minuto de silêncio para o Parlamento Brasileiro...
.
.
.
.
.
.

Após este momento silencioso, liberem a marcha fúnebre, para uma doce homenagem ao Senado.

Glauciane Carvalho

Anônimo disse...

Sinto uma decepção profunda com o governo do Sr Lula e com o Partido dos Trabalhadores, totalmente ajoelhado e às ordens do seu cacique com vistas às próximas eleições. Minha indignação é devida principalmente a duas questões: o apoio vergonhoso ao senador Jose Sarney e tudo o que vem nesse "pacote" de amigos; e a política exterior deste governo, especialmente em relação a países como Venezuela, Bolivia ou Equador. Me sinto especialmente afetada e ultrajada, já que meu marido é Venezuelano e morei naquele país por quase um ano e senti o abuso e a intolerância que existe no governo do Sr. Chavez (Sr não é exatamente o tratamento mais adequado para Chavez, mas como eu sim sou uma Sra...). Estive a favor de Lula em determinado momento e acredito que sim foi importante para o país, mas a sua popularidade e o poder têm afetado seu melhor juízo e espero que as próximas eleições "passem recibo" disso.
Gabriela Righetto (gabrielarighetto@hotmail.com)