O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org.

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Alguem nao gosta do que escrevo (1): devem ser as longas antenas do Grande Irmao (orelhas grandes tambem...)

Parece que tem gente que não gosta do que eu escrevo, o que é absolutamente normal: não se pode agradar a todos ao mesmo tempo, inclusive porque sendo o mundo tão diverso, e as opiniões tão opostas sobre determinados temas, é natural que ocorram esses desencontros na vida. Mesmo estando a quilômetros de distância, num cantinho recuado do mundo, tem gente que fica escutando, monitorando, vigiando, lendo e não gostando de certas coisas que eu escrevo.
Gozado que poucos tem a coragem de dizer isso abertamente.
Como estamos em democracia, não devo ser acordado de madrugado para ser levado para algum lugar desconhecido, como aquele personagem do Kafka, que não sabia porque o estavam processando. Ou então aquele outro personagem do Arthur Koestler (de Darkness at Noon), que sabia, sim, do que o estavam acusando, mas ele não compreendia porque faziam aquilo com ele, pois sempre tinha sido fiel aos companheiros, em especial ao Número 1.
Deve ser aquele mesmo espírito que prevalece em 1984, a tentativa de controlar o passado, e o presente, para melhor moldar o futuro: o Grande Irmão tudo vê, tudo sabe, e precisa controlar absolutamente tudo o que acontece, mesmo nos cantinhos recuados do mundo, sem nenhuma importância para os altos desígnios da política nacional.
Não seja por isso: se eles precisarem saber o que escrevo, está tudo transparente, no meu site ou no meu blog, tudo informado, data de elaboração, teor, eventual data de publicação, veículo, link para facilitar a pesquisa, a leitura. Só fica faltando mesmo o processo.
Bem, para ajudar nas pesquisas, posto aqui o link dos três artigos anteriores ao que mereceu reparos do Grande Irmão, que vou postar novamente, em post subsequente.
Por enquanto, alguns (não todos) da mesma série.
Divirtam-se comissários do povo.
Paulo Roberto de Almeida
Hartford, 12 de novembro de 2014

The Value of the Vote in a Democracy

CONSULADO 356
By Paulo Roberto de Almeida Deputy-Consul of Brazil in Hartford Democracy was defined by Winston Churchill as the worst of all political regimes, with the exception of all…

Election Time, Reflection Time

CONSULATE
By Minister Paulo Roberto de Almeida Electoral disputes are moments of passion, infused by much emotion, and, for the most engaged, a commitment to some cause relevant to…

2014 Brazilian Elections and the Null and Blank Votes Issue

consulado 359
By Paulo Roberto de Almeida Deputy Consul in Hartford, CT On Sunday, October 5, 2014, in Brazil, as well as in different localities abroad, the first round of…
Postar um comentário