O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida;

Meu Twitter: https://twitter.com/PauloAlmeida53

Facebook: https://www.facebook.com/paulobooks

terça-feira, 14 de setembro de 2021

Um presidente vulgar, grosseiro, ofensivo, inconveniente, insultuoso: chamou os diplomatas de veados - A ADB vai responder?

Os diplomatas, quaisquer que sejam suas orientações sexuais, deveriam soltar uma nota de desagravo CONTRA o presidente, pois ele os insultou, e falou a frase com o objetivo expresso de denegrir, de desprezar, de menosprezar os diplomatas. Acredito que a Associação dos Diplomatas Brasileiros (ADB) deveria soltar uma nota contra essa frase do presidente, e se não o fizer, respondo eu: 

"O presidente é o caráter mais vulgar, mais desprezível, mais asqueroso que já ocupou o cargo de maior relevância na história da República e até na história do Brasil, desde 1549, quando aqui aportou D. Tomé de Souza, para ser o primeiro governador geral do Brasil, então colônia de Portugal. Trata-se de uma pessoa sem qualquer princípio, sem qualquer ética, sem qualquer moral para ocupar o cargo que desonra, no qual ofende não só os diplomatas, mas todos os cidadãos que são homossexuais, sem que isso represente qualquer motivo para serem ofendidos da forma como o foram por um ser desprezível, que envergonha o Brasil e os brasileiros. Eu lhe devoto todo o meu desprezo, como diplomata e como cidadão brasileiro, ou como simples ser humano, o que ele manifestamente não é."

Paulo Roberto de Almeida

Brasília, 14 de setembro de 2021

“É tudo veado aqui”, a frase chocante de Bolsonaro a presidente da Guiné-Bissau

Diário do Centro do Mundo, 11 de setembro de 2021

Publicado em 11 setembro, 2021 8:55 am
O presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, e Jair Bolsonaro
O presidente da Guiné-Bissau, Umaro Sissoco Embaló, e Jair Bolsonaro. Foto: Isac Nóbrega/PR

Em reunião com Umaro Sissoco Embaló, Jair Bolsonaro soltou uma frase que chocou o chefe de Estado. “É tudo veado aqui”, disse o presidente, referindo-se aos membros do Itamaraty. O presidente da Guiné-Bissaú havia elogiado a instituição.

Ele foi rapidamente socorrido por uma outra autoridade, segundo a coluna de Ancelmo Gois no Globo. Segundo ele, “veado”, no português brasileiro, significa o mesmo que “paneleiro” no português de lá.

O encontro ocorreu duas semanas depois de reunião com Marcelo Rebelo, presidente de Portugal.

Bolsonaro também chocou presidente de Portugal com “piadas”

Em almoço com Rebelo, Bolsonaro também causou constrangimento. Como tiozão do churrasco, ele se referiu ao povo europeu de maneira jocosa e contou piadas de cunho sexual. A comitiva portuguesa saiu do Brasil horrorizada.

A Associação Pela Fraternidade Portugal-Brasil (APFPB) repudiou o comportamento do mandatário. Para o grupo, o presidente  “destilou com desenvoltura um repertório de asneiras e grosserias que constrangeu o seleto grupo de autoridades internacionais”

Leia também:

1 – Presidente é condenado a indenizar repórter em R$ 20 mil por ataque machista: “Queria dar o furo”

2 – Em SC, mandatário volta a atacar: “Aquele filho da puta do Barroso”


Nenhum comentário: