O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida

quinta-feira, 18 de junho de 2009

1165) Conselheiros da Petrobras: 76 mil por ano

Nota preliminar ulterior (se isso não é contradição, não sei o que é):

Coloquei aqui uma aparente matéria de -- digo aparente pois foi dessa forma que a recebi pela internet, atribuída a um -- jornal, aqui reproduzida sobre o valor dos honorários dos conselheiros da Petrobras.
Em vista da enorme confusão aqui criada, a matéria foi retirada de circulação.

Minhas desculpas aos leitores pela confusão involuntariamente criada...

Paulo Roberto de Almeida

50 comentários:

Anônimo disse...

Paulo,
dá uma checada na sua fonte.. isso tem TODA cara de ser mais um desses hoax de internet. Mentirada total e o jornalista (i)responsável do valor econômico acabou acreditando...
abraços e bom trabalho,
Flavio

o2to disse...

A AGO citada aprovou a fixação da remuneração global a ser paga aos administradores da Petrobras, que são, conforme capítulo IV do Estatuto Social da Petrobras, o Conselho de Administração, hoje com 9 membros e a Diretoria Executiva, com 7 membros, sendo que o Presidente da Petrobras, por determinação estatutária, também é membro do Conselho de Administração.
A lei 9292/86 impõe um limite para remuneração dos membros do Conselho de Administração, a qual não pode ser superior a 10% daquela percebida pelos membros da Diretoria Executiva.
A lei 7733/89 determina que o exercício de mandato de membro do Conselho de Administração da Petrobras por servidores da Administração Federal direta ou indireta não é remunerado.
Dito isto, o cálculo apresentado para a remuneração dos Conselheiros precisa ser revisto bem como as pessoas que o artigo dá a entender que a recebem.
Por fim, uma simples consulta ao site da Petrobras permite conhecer os nomes do seu Conselho de Administração.

Theodoro disse...

A notícia é repleta de falhas. Para saber quem são os membros da administração da Petrobrás e suas respectivas remunerações, basta ler a ata da AGO de 08.04.09, que está disponível no formato PDF no seguinte endereço:

http://www2.petrobras.com.br/portal/frame_ri.asp?pagina=/ri/port/index.asp&lang=pt&area=ri

Paulo R. de Almeida disse...

Correcao em 26.06.2009, com base em matéria do Correio Braziliense.

Os 8,2 milhões é o valor global para remuneração de Diretores e Conselheiros Fiscais e Administrativos.

----------------------------------

PERGUNTA CORREIO: Os salários dos membros dos conselhos se equiparam com o dos diretores, que tem média de vencimentos mensal de R$ 60 mil?

Conforme já explicado, os membros do Conselho de Administração e os titulares do Conselho Fiscal recebem 10% da média mensal da remuneração dos membros da Diretoria Executiva.

De acordo com o relatório financeiro e demonstrações contábeis da Companhia (DFP 2008), a maior remuneração de um dirigente (Diretor) foi R$ 59.465,04, com base em dezembro de 2008.

Comparações entre a remuneração dos diretores e conselheiros das maiores empresas do país, publicadas nos jornais Folha de São Paulo (6/4) e O Globo (18/1), mostram que a remuneração da Petrobras é a menor entre elas.



PERGUNTA CORREIO: A partir de 2007, foram concedidos novos reajustes aos diretores?

A Assembléia Geral dos Acionistas de 2008, realizada em 4 de abril, fixou remuneração global em R$ 9,8 milhões. Na assembléia de 2009, realizada em 8 de abril, a remuneração global foi reduzida para R$ 8,2 milhões. Nesta assembleia, ficou vedado o repasse de quaisquer benefícios, como reajuste salarial, que eventualmente venham a ser concedidos aos empregados da Petrobras, por ocasião de Acordo Coletivo de Trabalho na data-base de 2009.

Os salários da Diretoria estão congelados desde setembro de 2008 e deverão assim permanecer até a Assembléia Geral Ordinária de 2010. Até setembro de 2007, os reajustes concedidos à Diretoria Executiva da Companhia seguiam os mesmos reajustes concedidos aos seus empregados em decorrência dos Acordos Coletivos de Trabalho (ACT).

Theodoro disse...

A Cia. Vale do Rio Doce autorizou para seus administradores o valor de 97 milhões de reais para o exercício de 2008, enquanto a Petrobrás definiu para os seus administradores o valor de 8,26 milhões de reais. Os respectivos dados foram obtidos das Atas das AGO, a saber :
http://www.vale.com/vale/media/2904Ata%20AGO%20e%20AGE_P.pdf E

http://www2.petrobras.com.br/ri/port/InformacoesAcionistas/pdf/ATA_AGO_08abr09_port.pdf

Anônimo disse...

Escuta aqui, ô Theodoro! O sr não sabe ler. Olha o que consta da Ata: "VII. Pela fixação da remuneração global dos administradores e dos membros efetivos do Conselho
Fiscal em R$ 8.266.600,00 (oito milhões, duzentos e sessenta e seis mil e seiscentos reais), no
período compreendido entre abril de 2009 e março de 2010, aí incluídos, no caso da Diretoria
Executiva, honorários mensais, gratificação de férias, gratificação de natal (13º salário) bem
como de participação nos lucros, na forma dos artigos 41 e 56 do Estatuto Social."
Divida isso pelo número de "afortunados". Outra coisa: A Vale agora é da iniciativa privada. Pode pagar o que bem entender. Já pensou se fosse do governo? Seria mais um monte de petistas mamando.

Anônimo disse...

http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20090409/not_imp352269,0.php

notícia sobre essa polêmica dos conselheiros da Petrobrás...

Anônimo disse...

Eu procurei, procurei...

mas todas as vzes que cliquei em algum link que traz alguma notícia sobre ESTA ata, simplesmente não abriu ou deu erro.

OUTRAS, EU ABRI, NORMALMENTE.

Por que será...?

A Vida é uma Comédia! disse...

Até agora ninguém informou a fonte. Sabemos que o funcionário publico somente pode receber umsalário se acumular funções. Engraçado q ese jornalista(?) sabe disso. Cade a fonte ekeheheheheh

Alvinegro glorioso disse...

Para quem duvidou da veracidade da notícia, está aí o link com os integrantes do conselho http://www2.petrobras.com.br/Petrobras/portugues/perfil/per_administracao.htm

Anônimo disse...

Não seria mais uma criaçao dos "santinhos" do dem, psdb, psol,etc. ?? O jornalista que iniciou a divulgação do furo nem se deu ao trabalho de fazer algumas continhas ...

Bagre disse...

O link postado pelo alvinegro glorioso(que nike pelego), não fala nada sobre salarios????

Vidal disse...

depois de quase oito anos só agora apareceu essa nóticia.Na menor das hipótese é suspeita, porque não apareceu os nomes dos outros? e também da outra gestão?

Anônimo disse...

Paulo,

Não acredito no que li em sua postagem inicial, de que o assunto não interessa à nação e de o dinheiro é deles. Interessa e muito, se for verdadeira a matéria, e o dinheiro em absoluto é deles, mas sim nosso, dos contribuintes que pagam imposto neste país.
É triste, Paulo, ter vindo de quem veio esse comentário totalmente equivocado e alienado.

Paulo R. de Almeida disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ariane disse...

NO site da Petrobrás estão todos da administração. Tirem suas próprias conclusões.

http://www.hotsitespetrobras.com.br/rao2008/home/administracao.aspx

Anônimo disse...

Incrível. Como que uma pessoa que se diz "Diplomat, professor, writer, traveller, researcher; doutor em Ciências Sociais" consegue ser tão leviano e comete tanto erro divulgando informações erradas, boatos, sem ao menos se preocupar em validar ou pesquisar. O problema não está em (re)divulgar uma informação. O problema está quando a pessoa decide, além disso, tecer comentários, tentar formar opinião e "plantar" dúvidas nos leitores. É uma vergonha. Com certeza não tem cacife para ser Conselheiro de nenhum empresa, ainda mais uma empresa como a Petrobras, uma das maiores e mais respeitadas do mundo e símbolo do Brasil.
É uma vergonha, também, que um "diplomata", veja o mundo todo dando prêmios à Petrobras, e, como brasileiro, apóia o ataque à Petrobras. Diferente do que países como os EUA fazem (veja Ford, AIG, GM,...).
Eu é que levanto a bola, pra ser "Diplomat, professor, writer, traveller, researcher; doutor em Ciências Sociais" e ganhar dinheiro fácil assim, sem comprometimento com a verdade e sem esforço de produzir com qualidade...até eu quero.
Agora, como compromisso, ao menos, com a verdade, não deixe de divulgar meu comentário.

Paulo R. de Almeida disse...

Pessoas comprometidas com a busca da verdade estão sempre engajadas na pesquisa, na discussão, em argumentos substantivos que ultrapassem a mera qualificação (ou desqualificação) pessoal, e se dirija a fatos, evidências, atos e processos concretos que possibilitem a todos estar bem informados, para formar uma opinião e participar do grande processo de sugestão, elaboração e implementação de decisões e de políticas públicas que melhorem a vida dos cidadãos.
Acredito que o Brasil estaria muito melhor com empresas transparentes, divulgando todos os dados relativos a suas atividades.
Tentativas de esconder as "caixas pretas" que constituem certos poderes -- em especial o legislativo e o judiciário -- e certas empresas não contribuem, certamente para esse objetivo.
O Anonimato tampouco. Quem deseja participar de um debate público geralmente não tem medo de expor sua opinião e argumentos de forma responsável.
Por isso mesmo, seria altamente interessante que os muitos contribuintes anônimos revelassem quem são, onde trabalham, o que fazem como ocupação.
Assumir responsabilidade significa não se esconder atrás de anonimato...

Paulo R. de Almeida disse...

Um último comentário em relação a esta passagem:
"...ganhar dinheiro fácil assim, sem comprometimento com a verdade e sem esforço de produzir com qualidade...até eu quero."

Em primeiro lugar, não vejo onde está o dinheiro fácil: minhas fontes de rendas são duas: funcionário público federal, e professor universitário de uma instituição privada, ponto. E nenhuma dessas fontes é fácul.
Se você também pretende ganhar esse "dinheiro fácil", tem duas soluções: fazer concurso aberto aos méritos e não identificado, ser reconhecido pelo currículo para receber convite para dar aula.
Nenhuma das duas formas envolve, em última instância, o anonimato, que costuma ser uma maneira fácil de escapar a certos incômodos, como o de assumir publicamente o que pensa e o que faz...

Antonio disse...

inclível, não posso entender aos SALÁRIOS DE MARAJÁS da República
em privilégios contra a PETROBRÁS?

Não vamos discutir antecipadamente
devemos esperar a CPI necessária da
Petrobrás, para certificar-mos,
também.... outros escandalos?

Renato disse...

È impressionante o que pode causar uma reportagem, nós brasileiros somos realmente um povo ingênuo, e otimista, e em alguns casos aproveitadores (leia-se políticos)sinceramente não acredito nessa baboseira apresentada, jamais uma empresa que tem as contas publicadas até na bolsa de NY, Londres, e Principalmente no Brasil, se daria ao desplante dessas contratações.Existe, claro alguma coisa de podre, se não o porque destas CPIs.Quem viver verá.

oliveirabreda disse...

Concordo que pelo menos uns 95% dos nossos "políticos" são mesmo uma camarilha só, cheios de maracutaias e expedientes para dilapidarem, o máximo que puderem, o erário público! Mas, infelizmente, sempre há aquelas pessoas que se aproveitam disso para espalhar informações enganosas e causar perturbação social...

O fato é que deturparam as informações contidas na Ata da Assembléia da Petrobras - veja o texto original da ata:

1) Item IV: Foram reeleitos como membros do Conselho de Administração da Companhia, na forma do voto da União, com mandato de 1 (um) ano, permitida a reeleição, a Senhora Dilma Vana Rousseff, brasileira, natural da cidade de Belo Horizonte (MG), divorciada e economista e os Senhores Guido Mantega, brasileiro, natural de Gênova, Itália, casado e economista; Silas Rondeau Cavalcante Silva, brasileiro, natural da cidade de Barra da Corda (MA), casado e engenheiro; José Sergio Gabrielli de Azevedo, brasileiro, natural da cidade de Salvador (BA), divorciado e economista; Francisco Roberto de Albuquerque, brasileiro, natural da cidade de São Paulo, casado e General de Exército reformado; e Luciano Galvão Coutinho, brasileiro, natural da cidade de Recife (PE), divorciado e economista.
Foi ainda eleito como membro do Conselho de Administração da Companhia, na forma do voto da União, com mandato de 1 (um) ano, permitida a reeleição, o Senhor Sergio Franklin Quintella, brasileiro, natural da cidade do Rio de Janeiro (RJ), casado e engenheiro civil.

Ou seja, em primeiro lugar não são conselheiros financeiros, e sim conselheiros da administração. Em segundo lugar, o Franklin Marins não tem nada a ver com isso - o Franklin mencionado é o tal do Sergio Franklin Quintella.

2) Item VII: Pelo voto da maioria dos acionistas presentes, em conformidade com o voto da representante da União, foi aprovada a fixação da remuneração global a ser paga aos administradores da Petrobras em R$8.266.600,00 (oito milhões, duzentos e sessenta e seis mil e seiscentos reais), no período compreendido entre abril de 2009 e março de 2010, aí incluídos: honorários mensais, gratificação de férias, gratificação natalina (13º salário), participação nos lucros e resultados; passagens aéreas, previdência privada complementar, e auxílio moradia, nos termos do Decreto nº 3.255, de 19.11.1999, mantendo-se os honorários no mesmo valor nominal praticado no mês precedente à AGO de 2009, vedado expressamente o repasse aos respectivos honorários de quaisquer benefícios que, eventualmente, vierem a ser concedidos aos empregados da empresa, por ocasião da formalização do Acordo Coletivo de Trabalho – ACT na sua respectiva data-base de 2009.

Ou seja, o valor não é só de honorários mensais, mas inclui várias outras coisas... E não é para os membros do Conselho de Administração, e sim para os administradores da Petrobras! No caso dos membros do Conselho de Administração, o mesmo Item VII declara, em outro trecho:

"Foi também aprovada a fixação dos honorários mensais dos membros do Conselho de Administração e dos titulares do Conselho Fiscal em um décimo do que, em média mensal, perceberem os membros da Diretoria Executiva, excluídos os valores relativos a: gratificação de férias, participação nos lucros e resultados, passagens aéreas, previdência privada complementar e auxílio moradia, bem como custear as despesas de locomoção e estada necessárias ao desempenho da função de conselheiro de administração".

Para ver o texto integral da ata, acesse o seguinte link:
http://www2.petrobras.com.br/ri/port/InformacoesAcionistas/pdf/ATA_AGO_08abr09_port.pdf.

Paulo R. de Almeida disse...

Oliveira Breda,
Grato pelos esclarecimentos. Fica sempre a sensacao de que esses membros do Conselho de Administracao da Petrobras sao escolhidos politicamente, alguns para simplesmente disporem de complemento de salário, outros, possivelmente, para aderir ao que quer fazer a Petrobras, não para ter uma atuacao independente e tecnicamente embasada.
Duvido, por exemplo, que alguns deles, comparecendo a essas reunioes no meio de seus muitos afazeres na função original, sequer tenham tempo de aprofundar o conhecimento técnico dos muitos assuntos de ordem econômica, tecnológica e financeira que devem julgar, apreciar e recomendar. Sem esse tempo (já nem digo a competência), fica difícil exercer a função como ela deveria ser exercida. Então, considero que pelo menos a metade desses conselheiros que nao aconselham são de fato inúteis e só estão ali para seguir diretrizes previamente fixadas pela propria companhia ou gastos decididos pelo Palacio do Planalto, sabe-se lá em que condicoes de isencao e viabilidade.
Em resumo, a Petrobras não está funcionando como companhia independente, recebe instrucoes políticas e tem como conselheiros pessoas que na verdade nao aconselham.
Acho lamentável tudo isso, mas quem tem a perder são em primeiro lugar os acionistas da Petrobras, depois todo o povo brasileiro, pois a companhia, contrariando a Constituicao em sua versao atual, é uma monopolista de fato, cobrando o que o governo quer como preco da gasolina.
Em suma, somos perdedores em qualquer hipotese.
Paulo Roberto de Almeida

Anônimo disse...

Tristeza.. cpi Banestado quem era os diplomados !! cpi da cueca quem era os diplomados e assim vai.. tenho dupla cidadania., e me perguto quando eh que o Brasil realmente sera uma naçao . PT eh $$$$$$$$$$$$$$$

Anônimo disse...

Fico envergonhado quando vejo uma reportagem advinda de um Diplomat, professor, writer, traveller, researcher, sem a devida qualificação e averiguação dos fatos. Quando voce respondeu ao Oliveira Breda, tentou fugir ao "X" da questão, o qual levantou em sua reportagem original. O que está em causa aqui - e se provou pela cópia da AGO - é que os conselheiros não ganham o que voce diz. Essa de transformar um factoide em fato jornalístico é que me mata de raiva. Porém, me alegra a manifestação da maioria sensata dos leitores do seu bolg que percebem nas entrelinhas o que na verdade se quis dizer. Estou com eles e não abro. A acusação pela simples acusação, sem provas daquilo que se diz, não deve ser levada em consideração.
p.s.: como não tenho conta no google estou escrevendo como anônimo, mas deixo aqui o meu nome:
Alexandre Klem - Belo Horizonte -MG

Anônimo disse...

Envergonhado fico eu ao ler o argumento de Alexandre Klem de BH. A sua preocupacao basica e malhar o Jornalista (que nem conheço) e nao em se discutir a vultuosa soma de dinheiro mensal canalizado para pessoas que nao trabalham, nao aconselham gastam dinheiro publico em se embelezar, enquanto a maioria da populaçao trabalhadora mal ganham um salario minimo. Por outro lado voces sabem qto ganha um operario da Petrobras ? Eles sim, produzem e lutam pela Empresa e pelo País, nao ficam fazendo politica nem se embelezando com o dinheiro publico.
Jose Dirceu Russomano - Rio de Janeiro - RJ

Paulo R. de Almeida disse...

Este post, sobre os conselheiros da Petrobras e seus supostos honorários generosos, foi o que recebeu mais comentários em toda a história deste blog: 26 até este momento, incluindo alguns meus...
Trata-se de um record, pelo menos para este modesto blog, que se propõe, na verdade, informar e discutir temas de relações internacionais e de política externa do Brasil.
O post sobre os conselheiros da Petrobras representou, portanto, um desvio de foco temático, ainda assim justificado pelo aparente aspecto espetacular da "informação" pescada na internet, sem os devidos cuidados de verificação e dupla checagem, como deve fazer todo jornalista ou historiador precavido.
Em todo caso, independente dos equivocos cometidos, é evidente que o assunto despertou atenção, paixões, dissputas e debates acirrados, o que prova, apenas e tão somente, que, ou honorários de conselheiros de estatais, ou a própria Petrobras, ou ambos, ainda (e cada vez mais) motivam o interesse do público, por boas e más razões, se ouso acrescentar.
Isso não é sadio e serve para revelar quão deformado está o Brasil no debate em torno das funções do que deveria ser uma simples estatal dedicada a explorar petróleo e assegurar o abastecimento nacional de um produto estratégico.
Parece evidente que a companhia está sendo usada para outros fins que não apenas os descritos acima.
Lamento pelo Brasil e pelos debatedores deste espaço.
Um país normal deveria poder discutir com um pouco mais de racionalidade e transparência assuntos como esse, mas não foi isso o que ocorreu neste espaço.
Lamento, mais uma vez...
Paulo Roberto de Almeida
Paris, 4 de outubro de 2009

Jose disse...

Paulo,
Dei uma olhada na Ata e percebi que vc cometeu alguns equívocos. Os R$ 8.266.600,00 são reservados para a remuneração global (incluindo férias e 13º) da diretoria executiva e dos membros efetivos do Conselho Fiscal, que ao todo são 14 (nove conselheiros diretores e 5 membros do conselho fiscal). Portanto, se fizer os cálculos corretamente, a remuneração mensal de cada um deles seria aproximadamente
R$ 44.960,00 e não, R$ 76.542,00.
Outro equívoco: Franklin Martins não faz parte desse Conselho.

Anônimo disse...

Alexandre disse:
Paulo. Parabéns por tornar público tão vergonhosa postura da "nossa" Petrobrás criando esse cabide milionário para privilegiados deste governo, que como disseram em outros comentários: para fazer o quê?
Mais incrível é que existam pessoas (os anônimos ) que ficam colocando em dúvidas algumas possíveis alteraçõe de alguns dados, o que em nada justifica esse abuso, essa orgia "salarial".
Me admira o Sr. José querendo criticá-lo que não saõ 76.542,00 e sim 44.960,00. E aí, meu Deus! essa diferença é importante? está se discutinod a cor do bezerro? por favor, seu José!.
E o seu Theodoro Klem?....dizendo que você tem que buscar provas para tais afirmações. (?)
Isso sim que envergonha a gente! Ainda existem brasileiros apoiando toda essa canalhice que assola este País.
Alexandre Vaz
Porto Alegre/RS

Anônimo disse...

Paulo, experimenta perguntar para o pessoal do contra qual é a profissão deles, vamos ver se eles tem coragem de responder a verdade.
Quem sabe se no meio destes embutidos(NICKS ou ANÔNIMOS)não tem algum Conselheiro (a) da Petrobras, olha que não é difícil.

Iuri Santana Patricio disse...

Parabéns Sr. Paulo Ricardo, por sua iniciativa de divulgar as benesses de uns e outros privilegiados do Palácio do Planalto. Agora, é de estarrecer que quem nada faz em denunciar, em expôr essas situações ainda tenham a capacidade de criticar àqueles que o fazem. O que importa é o que cada um de nós fazemos e, não importam as circunstâncias, pois as circunstâncias sempre serão as mesmas e não podemos viver calados a tudo isso. Cada um tem que fazer a sua parte de maneira a tornar este nosso País um lugar cobiçado pelos bons e não sómente pelos piratas da sociedade. Acordem Senhores da crítica aqueles que denunciam e não faz muita diferença se eles ganham R$ 76.542,00 e sim R$ 44.960,00. Olhem os números... Eles não dizem nada? Isso é uma afronta tanto quanto pagar o auxílio-reclusão em R$ 34,00 à mais que o salário minimo? Isto é uma apologia à marginalização da sociedade. Deveria sim é perder qualquer benefício, quem desse trabalho para o judiciário. Estamos vivendo momentos de inversão de valores em nossa sociedade onde quem opta em ser bandido/marginal/pirata social/ladrão mesmo, quando preso, recebe um auxílio-reclusão de R$ 544,00 enquanto aqueles que dão duro em todo tipo de trabalho nas classes mais desfavorecidas da sociedade ganham os seus míseros R$ 510,00. Isso tudo cabe uma reflexão para analisarmos para onde caminha a nossa sociedade. É certo isso acontecer? Temos que fazer algo a respeito e não somente vivermos das circuntâncias, pois as circunstâncias serão sempre as mesmas, mas nós temos que mudar esse quadro para melhor.
Até quando isso vai perdurar!!??
Iuri Santana Patricio
Campo Grande/MS.

Allan disse...

Nossa, quanta irresponsabilidade. A palhaçada virou ferramenta de trabalho e a internet é uma arma para devaneios e derramamento de estupidez.

Não repita comentários sem sequer checar as fontes, o deirecionamento de recurso para remuneração de diretores e conselheiros da Petro é menor que qualquer empresa do porte.

Mas na verdade essa história toda tem uma finalidade, CLARA, colocar a dilma como 1ª da lista.

Anônimo disse...

Melânia:
Estou pasma com tudo que li. Com toda essa robalheira que aparece diariamente nos jornais, como não acreditar em mais uma dessas ???

ANA PAULA disse...

encontrei este descritivo no site da Petrobrás: >>> PRÁTICAS DA PETROBRÁS, Independência dos Conselheiros: Com exceção do Presidente (CEO) da empresa (que é também um conselheiro), todos os conselheiros da Petrobras não pertencem à administração. Esses conselheiros não pertencentes à administração não se reúnem regularmente em sessões executivas programadas sem a presença do Presidente (CEO). PERGUNTO: Perante a listagem ( http://www2.petrobras.com.br/Petrobras/portugues/perfil/per_administracao.htm ) o que define a "independência" destes conselheiros???
Em resposta a alguns "revoltadinhos" com as notícias e discussões nos blogs digo que podemos e Devemos conversar, discutir e fiscalizar tudo o que nos diz respeito (empresasXgoverno). Ao menos era assim que o país vivia desde o fim da ditadura até a chegada de Lula. Agora infelizmente nada pode, nada é, nada vi e nada sei!

Anônimo disse...

Paulo.
Em todos os comentarios e defesas não encontrei nenhuma linha excluindo o nome da Sra Dilma Russef do grupo de conselheiros da Petrobras.
Pois bem Sr Paulo, somente o fato Da Dilma ser conselheira e estar recebemdo qualquer centavo da Petrobras ja é um caldo grosso amigo, ela esta na copa e cozinha do Lula e isto é o que importa.


Bruno Gonzalez Torres
brut2007@yahoo.com.br
Porto Alegre RGS

Anônimo disse...

Prezado Professor e demais leitores, apesar de todos os dados apresentados, duvido alguém afirmar o verdadeiro valor que cada daqueles Conselheiros ali sugam da PETROBRÁS, vejam, inclusive, há certa publicidade nesses atos. Algo ainda está por vir e já iniciaram os preparativos do Apocalipse: 1. Eike Batista como um dos empresários brasileiros mais rico do mundo, afirmando que, muito em breve, será o mais rico do mundo - alguém tem dados para apresentar de onde surgiu tamanha fortuna? 2. É verdade que José Dirceu foi interlocutor do "Grupo" de Eike na Bolívia? Imaginem que conselhos tal pessoa adotaria... 3. Dilma Rousseaf, presidenta do Brasil, com sua ficha de excelentes serviços prestados ao Brasil nos anos 60 e 70, seguindo a cartilha de Lula, por enquanto, deverá nomear distinto presidente para ser Conselheiro do Pré-Sal... Também, o povo brasileiro vivendo às custas do Bolsa-Família, Vale-Gás, Vale-Leite, Vale-Salário-Reclusão e tudo mais, jamais gritará com os demandos feitos por nossos governantes. Mesmo, por que, "povão" não faz nada, é igual a gado ou, pior, por que nem dá leite, nem serve para comer. E, por fim, mesmo onde havia reserva moral desse País, não se encontra mais, exemplo, é o fato do General Albuquerque aceitar ser Conselheiro para não ser conselheiro de nada mesmo, pois só estão ali para afirmar as decisões políticas e ajudarem a desviar dinheiro público.
Tudo isso é uma vergonha!
Resolvi escrever, pois, aqui no Paraná, lugar que eu tinha elevada estima, estourou a farsa dos Diários Secretos, e o Presidente da Assembléia tem a coragem de ir a público dizer que não sabia, que vai mandar apurar!!! Um Presidente que não sabe o que acontece em sua gestão!!!
Adonis Fradanelli, Curitiba - PR
Empresário

Anônimo disse...

Caros,

Primeiro erro crasso: Franklin Martins não tem nada a ver com isso. Quem foi eleito para o conselho administrativo pelo voto da União foi Sergio Franklin Quintella, então vice-presidente da Fundação Getúlio Vargas. Uma confusão na melhor das hipóteses... risível.

2- A ata da reunião da Petrobras que definiu esses valores (os 76 mil) que jogaram em vossas caras como verdade absoluta pode ser lida aqui: http://www2.petrobras.com.br/ri/port/InformacoesAcionistas/pdf/ATA_AGO_08abr09_port.pdf

3- A partir do que está escrito na ata da reunião da Petrobras, uma fonte simples, acessível a qualquer um, vemos que a matéria do Valor Econômico (cujo link não encontrei) , que é quem realmente embasa a denúncia do power point e dos blogueiros-de-fim-de-semana, fez uma manipulação escancarada dos dados (ou o jornalista foi realmente muito "ingênuo"): o dito cujo fez a conta como se fossem R$ 8,2 milhões divididos por 9 conselheiros dividido por 12 meses, o que dá R$ 76 mil.

Pois bem.

a-) Primeiro que são 16 conselheiros, e não 9. Além de 7 membros da diretoria executiva.

b-) Segundo, este valor de R$ 8,2 milhões é para todos os membros da administração da Petrobrás - Conselho Administrador, Conselho Fiscal E Direção Executiva, como pode-se conferir neste link (pag 3, Item VII - http://www2.petrobras.com.br/ri/port/InformacoesAcionistas/pdf/ATA_AGO_08abr09_port.pdf ).

c-) Terceiro que estes conselheiros, como está escrito na ata, não podem ganhar mais do que 10% do maior salário da Diretoria Executiva, cujo maior salário é R$ 59 mil. ["Com relação a dirigentes da Companhia, a maior remuneração em 2008, ainda tomando-se por base o mês de dezembro, correspondeu a R$ 59.465,04 (R$ 52.031,96 em 31 de dezembro de 2007)"] - Pág 161 , neste link para outra ata: http://www2.petrobras.com.br/ri/spic/bco_arq/DFPBRGAAPPORT4%C2%BATri08rev.pdf

4- A título de comparação, na Vale, o mesmo montante para a remuneração tão somente para o Conselho de Administração é R$ 97 milhões, como vocês podem ver aqui: http://www.vale.com/vale/media/2904Ata%20AGO%20e%20AGE_P.pdf

Caro senhor "Diplomat, professor, writer, traveller, researcher; doutor em Ciências Sociais", cheque melhor suas informações.

Rafael Alencar Veríssimo
Jornalista

Gustavo disse...

Senhores, a cada dia que passa fico mais desapontado com nosso país, pois não só os politicos são corruptos mas também os eleitores...
Até hoje não consigo entender como Lula foi eleito por 2 mandatos, e agora a grande possibilidade de Dilma ser eleita depois dele...

O povo Brasileiro Não enxerga as coisas, por exemplo esses supostos conselheiros, não deviam ganhar nem um salário pois nada fazem, e ainda aqui vemos debates de pessoas protegendo e apoiando essas pessoas...
essas bousas(Familia,Gás, Reclusão e etc...) isso na minha opinião é apenas uma forma de compra de Votos, pois acho que quando se você quer ajudar uma pessoa que precisa, nunca você deve dar o "Peixe" mais sim uma "vara e ensinar a pescar", e quando algum politico foi até a familia de trabalhador (que quando voltava do trabalho foi assaltado e morto por uma bandido que hoje esta preso e Comendo, bebendo, dormindo e recebendo "Salario", Pago por nós e pela familia de quem ele matou) perguntar se estão passando por dificuldades finaceiras, sem pedir seu voto em troca... (pensem nisso)

Agora Esse Blog é muito entereçante por abordar isso, e eu tenho certeza que quem defende esses "Citados no Blog" ou recebe algum beneficio ilegal, ou não tem formação para analizar as coisas de forma inteligente...

Obrigado e fica aqui minha Indignação.

Gustavo Kritikos. Betim MG.

Cesar disse...

Fico me perguntando por qual razão colocaram a sra. Dilma lá ganhando este absurdo!
Votei no Lula na 1ª vez, mas não na 2ª; mesmo sendo funcionário público federal...
Ia votar nesta mulher, mas ao ver o ela fez no passado, os sequestros, os crimes, os seus discursos atuais... mudei de idéia. Não votarei no Serra, pois é continuismo de FHC, mas nesta mulher... não mesmo. São tantos os escândalos, e o cara lá encima afirmando que de nada sabe!!

Anônimo disse...

CONHEÇA O EX-ANÔNIMO ALEXANDRE KLEM

Foi (ou ainda é) Presidente da Associação dos Moradores do Condomínio Fazenda da Serra

http://www.sergiofernando.com.br/vereador/index.php?option=com_content&view=article&id=213:associacao-de-moradores-se-reune-com-a-prefeitura-por-intermedio-de-sergio-fernando&catid=39:noticias-&Itemid=58

Nada como o Google, não ?

Antonio Salles disse...

Ao buscar confirmar a autenticidade da informação sobre conselheiros da Petrobras, descobri este Blog. Li, atentamente, os comentários postados e percebi que aqui estão representados, boa parte de nossos cidadãos. Um jornalista que repassa uma informação sem ter buscado esclarecer adequadamente sua veracidade, alguns que se indignam com a aparente “verdade” que, por mais escandalosa que seja, seria apenas mais uma das inúmeras imoralidades cometidas por nossos atuais governantes e outros que rapidamente passam, deixando recados de indignação, seja com a notícia não confirmada, seja com a imoralidade apontada, além de todos aqueles que não se deram ao “luxo” de comentar, pois, afinal, “não mudaria nada”. Até aí, tudo bem, mas o que incomoda é um “anônimo”, certamente pouco letrado, seguidor do ignorante mor deste país, querendo se fazer passar por um cidadão pensante e de espírito crítico que, mesmo diante do “mea-culpa” nas entrelinhas do jornalista, descarrega sua raiva (típica de sua “classe”) e expõe sua completa falta de senso moral, atentando para os números e não à IMORALIDADE deste e de outros atos cometidos por essa “corja” que tomou de assalto o planalto, com a cumplicidade do voto da classe mais ignorante do país, aliada a banqueiros, empresários e outros corruptos (ou ingênuos) que visavam “lucrar” algo com essa nova onda esquerdista que colocou bandidos e terroristas no poder. O que mais me espanta nos últimos anos é perceber que aquela imagem do povo brasileiro “bom, trabalhador e honesto”, é um mito, criado há décadas, pois, independente da classe social, quase a totalidade desse povo, somente é “honesta” por falta de oportunidade. Quem vota em corrupto, troca voto por “bolsa-família”, etc... é tão corrupto quanto! E, como médico, devo informar ao ex-anônimo Alexandre Kleim que, o que o matará não é a raiva de ver comentários como esse, mas o desleixo e a falta de cuidado com sua pessoa.É preciso dar um basta nesta leva de ignorantes que passou a se julgar acima da lei e da moral!
Antonio Salles – Campo Grande - MS

Anônimo disse...

Nada de novo...

Pena que também esse cargo está justificado com base na mentira.

Vejam o currículo...

Anônimo disse...

Resolvida a questão. O presidente da Petrobras publicou nota divulgando a remuneração do conselho de administração. Não é R$ 76 mil como diuvlgado. É R$ 74.423,57
vEJA NO link
http://www2.petrobras.com.br/ri/port/ago_age/pdf/Convocacao-AGO-Item7-Remuneracao.pdf

Anônimo disse...

Nao sei pra que tanto espanto com s "suposta" verdade ou inverdade da noticia. Basta que todos vejam a veracidade no site da petrobras! Segue nome de todos os conselheiros,segundo a ata disponivel no site da petrobras:

Item IV: Foram reeleitos como membros do Conselho de Administração da Companhia, na forma do voto
da União, com mandato de 1 (um) ano, permitida a reeleição, a Senhora Dilma Vana Rousseff, brasileira,
natural da cidade de Belo Horizonte (MG), divorciada e economista e os Senhores Guido Mantega,
brasileiro, natural de Gênova, Itália, casado e economista; Silas Rondeau Cavalcante Silva, brasileiro,
natural da cidade de Barra da Corda (MA), casado e engenheiro; José Sergio Gabrielli de Azevedo,
brasileiro, natural da cidade de Salvador (BA), divorciado e economista; Francisco Roberto de
Albuquerque, brasileiro, natural da cidade de São Paulo, casado e General de Exército Reformado; e
Luciano Galvão Coutinho, brasileiro, natural da cidade de Recife (PE), divorciado e economista.
Foi ainda eleito como membro do Conselho de Administração da Companhia, na forma do voto da União,
com mandato de 1 (um) ano, permitida a reeleição, o Senhor Sergio Franklin Quintella, brasileiro, natural
da cidade do Rio de Janeiro (RJ), casado e engenheiro civil.
PÁG. 3/4
A seguir, na forma prevista no artigo 239 da Lei das S.A., foi reeleito pelo voto dos acionistas minoritários,
como seu representante no Conselho de Administração, em votação em separado, com mandato de 1
(um) ano, permitida a reeleição, o Senhor Fabio Colletti Barbosa, brasileiro, natural da cidade de São Paulo (SP), casado e administrador de empresas.
Foi também reeleito, na forma do art. 19 do Estatuto Social da Companhia, como representante dos
acionistas titulares de ações preferenciais no Conselho de Administração, em votação em separado, com
mandato de 1 (um) ano, permitida a reeleição, o Senhor Jorge Gerdau Johannpeter, brasileiro, natural da
cidade do Rio de Janeiro (RJ), casado e advogado.

Anônimo disse...

realmente nao precisamos nos preocupar com a petrobras,pois com os conselhos da super dilma e sua trupe ela rendera sempre bons frutos. outras empresas do porte dela pagam tais salarios mas seus conselheiros sabem da materia que estao tratando, diferente com certeza de dilma e sua turma

kennedy tamara petropolis rj

PACO disse...

Paulo, respeito tua atitude em retirar a noticia por controverso mas a ressalva do suposto irmão do Franklin Martins foi posta de maneira leviana. Nem sequer existe um "Martins" mas sim um "Franklin"... e como segundo nome (Sergio Franklin Quintella), e no caso do ministro é o seu primeiro nome. Que tal fazer mais uma correção?
Seu blog é bem montado e atrativo, parabéns... apegue-se a fatos verdadeiros e ganharás o respeito universal.
Um abraço
PACO BERTOMEU
San Martin, California

Karina disse...

A verdade está para quem quiser ver no próprio site da Petrobrás. Falta um pouco de informação contra o Partido da Imprensa Golpista e os reprodutores acríticos da internet.

Link:
http://fatosedados.blogspetrobras.com.br/?p=28352

Renato Carvalho disse...

Inicialmente gostaria de manifestar minha indignação ao ler os comentários aqui postados pelos que defendem a manutenção da “lei Gerson”, cartilha de cabeceira da corja que governa o nosso país, será que essas pessoas conseguem encarar seus filhos e exigirem deles uma postura digna (?), que cidadãos serão eles !!!.
É lamentável ver brasileiros que se dizem cidadãos de bem, independentemente se suas áreas de atividade discutam os valores da remuneração dos conselheiros da Petrobras, achando “normal” a remuneração não ser de R$ 76.542,00, mas sim de R$ 44.960,00 e o pior, defendendo esses valores, comparando-os aos salários percebidos por conselheiros (que realmente trabalham) de outras empresas. Ora senhores, tais valores são por si absurdos e imorais, uma afronta aos trabalhadores brasileiros.
O tema em tela tem relevante importância uma vez que coloca em discussão atitudes de nossos governantes, momento propício para análise de quem deve ser o próximo presidente. Por oportuno, cabe-nos uma reflexão, seria esse o tema mais nebuloso do atual governo (?); ou seria o ”maravilhoso” salto financeiro do filho do presidente que de simples funcionário do zoológico de SP recebendo R$ 570,00 por mês, em apenas (08) oito anos passou a acumular uma fortuna de mais de R$ 5.000.000,00 (?); seria o pedido da “primeira dama” pela dupla cidadania em um país (paraíso fiscal) (?); pq (?); seria a polícia federal que passou a ser uma polícia política trabalhando a favor de um certo partido (?); pq (?); seriam as apurações e investigações sobre o mensalão que nunca punem ninguém (?), seria a clara intenção de colocar uma mordaça na imprensa, passo inicial do populismo rumo a perpetuação de um grupo à frente de um país (?); seriam os repasses de verba do governo federal a entidades que promovem invasões de terra que mesmo proibidos por lei desde 2001, nos últimos sete anos a União destinou R$ 49,4 milhões a grupos invasores ligados ao MST (?); seriam os bilhões e bilhões de reais que o governo federal repassa a cuba, Haiti, Bolívia, Colômbia todos os meses enquanto no Brasil milhões passam fome (?); seria o STF rasgando nossa constituição (?).
Como vimos os temas para reflexão são muitos e variados, defender quem os “cria e administra”, como no caso Petrobras, é no mínimo falta de vergonha na cara, quem quiser ser conivente, que seja, porém não se intitule CIDADÃO.
Louvo a atitude do blog em apresentar temas, como o da Petrobras para análise e manifestação de todos, citando fontes ou não o importante é que busquemos subsídios para discussão e formemos nossas opiniões, parabéns Sr. Paulo R. de Almeida.
Renato Carvalho – Advogado – Brasília-DF.
A MAIOR DAS INJUSTIÇAS É PARECER JUSTO SEM O SER......(Platão).

Renato Carvalho disse...

Inicialmente gostaria de manifestar minha indignação ao ler os comentários aqui postados pelos que defendem a manutenção da “lei Gerson”, cartilha de cabeceira da corja que governa o nosso país, será que essas pessoas conseguem encarar seus filhos e exigirem deles uma postura digna (?), que cidadãos serão eles !!!.
É lamentável ver brasileiros que se dizem cidadãos de bem, independentemente se suas áreas de atividade discutam os valores da remuneração dos conselheiros da Petrobras, achando “normal” a remuneração não ser de R$ 76.542,00, mas sim de R$ 44.960,00 e o pior, defendendo esses valores, comparando-os aos salários percebidos por conselheiros (que realmente trabalham) de outras empresas. Ora senhores, tais valores são por si absurdos e imorais, uma afronta aos trabalhadores brasileiros.
O tema em tela tem relevante importância uma vez que coloca em discussão atitudes de nossos governantes, momento propício para análise de quem deve ser o próximo presidente. Por oportuno, cabe-nos uma reflexão, seria esse o tema mais nebuloso do atual governo (?); ou seria o ”maravilhoso” salto financeiro do filho do presidente que de simples funcionário do zoológico de SP recebendo R$ 570,00 por mês, em apenas (08) oito anos passou a acumular uma fortuna de mais de R$ 5.000.000,00 (?); seria o pedido da “primeira dama” pela dupla cidadania em um país (paraíso fiscal) (?); pq (?); seria a polícia federal que passou a ser uma polícia política trabalhando a favor de um certo partido (?); pq (?); seriam as apurações e investigações sobre o mensalão que nunca punem ninguém (?), seria a clara intenção de colocar uma mordaça na imprensa, passo inicial do populismo rumo a perpetuação de um grupo à frente de um país (?); seriam os repasses de verba do governo federal a entidades que promovem invasões de terra que mesmo proibidos por lei desde 2001, nos últimos sete anos a União destinou R$ 49,4 milhões a grupos invasores ligados ao MST (?); seriam os bilhões e bilhões de reais que o governo federal repassa a cuba, Haiti, Bolívia, Colômbia todos os meses enquanto no Brasil milhões passam fome (?); seria o STF rasgando nossa constituição (?).
Como vimos os temas para reflexão são muitos e variados, defender quem os “cria e administra”, como no caso Petrobras, é no mínimo falta de vergonha na cara, quem quiser ser conivente, que seja, porém não se intitule CIDADÃO.
Louvo a atitude do blog em apresentar temas, como o da Petrobras para análise e manifestação de todos, citando fontes ou não o importante é que busquemos subsídios para discussão e formemos nossas opiniões, parabéns Sr. Paulo R. de Almeida.
Renato Carvalho – Advogado – Brasília-DF.
A MAIOR DAS INJUSTIÇAS É PARECER JUSTO SEM O SER......(Platão).

Paulo R. de Almeida disse...

Renato Carvalho,
Grato pelo longo comentário, ao qual vou dar o devido destaque retomando um post sobre o assunto.
O abraco do
Paulo R. Almeida