O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida

quarta-feira, 30 de maio de 2018

Enciclopedia do Golpe: companheiros ativos e literários...

Depois de vários livros sobre o Impeachment de Madame Pasadena, antes mesmo que ele fosse concluído, os companheiros, sempre atentos, e apoiados por um bando impressionante de juristas debiloides, retornam agora com uma enciclopédia sobre o golpe, em dois volumes, antes mesmo que o o governo golpista concluísse o seu mandato, roubado, segundo eles, dos companheiros mafiosos, que estavam alegremente dedicados ao roubo descarado, à extorsão descarada, às falcatruas mais pornográficas e a todos os tipos de traficâncias.
Eu sempre me pergunto o que pode passar pela cabeça, não dos companheiros militantes, pois estão invariavelmente contaminados pelo vírus do fundamentalismo político, mas dos juristas de carteirinha, advogados partidários, magistrados depravados, que não se pejam em defender bandidos confirmados, corruptos oficiais e ladrões profissionais.
Não se pode deixar de reconhecer que os companheiros corruptos são motivados, e bem alimentados pelo dinheiro que roubaram da sociedade brasileira...
Paulo Roberto de Almeida

Volumes 1 e 2 da Enciclopédia do Golpe.

volume 1 da Enciclopédia do Golpe, que traz artigos mais gerais sobre o golpe, é um clássico importante dessa literatura de resistência política que vem florescendo com muita força. Tem verbetes escritos pelos historiadores Luiz Alberto Moniz Bandeira (é um de seus últimos textos, antes de falecer) e Fernando Horta, o sociólogo Jessé Souza, o jornalista Luís Nassif, o ex-ministro da Justiça, Eugênio Aragão, desembargadora Magda Biavaschi, e o economista Luiz Gonzaga Belluzzo. Os juristas Lenio Luiz Streck, Martonio Mont’Alverne Barreto Lima e Beatriz Vargas Ramos também assinam artigos no livro.

No volume 2, temos artigos Mino Carta, Paulo Henrique Amorim, Camilo Vanucchi, Altamiro Borges, Marco Weissheimer, Bajonas Teixeira, Miguel do Rosário, entre outros.
É um livro que nasce clássico, porque que fura a bolha narrativa de um processo que, desde o início, se ancorou na manipulação das informações.




E tem mais: 
No dia 22 de julho, será lançado o livro “Golpe de Estado no Brasil – Balanços e Perspectivas”, de Rui Costa Pimenta. Com conteúdo inédito, a obra tratará sobre o golpe de 2016 de um ponto de vista revolucionário, escrito e analisado por quem participou da luta contra o golpe. Desde 2013, o Partido da Causa Operária vem denunciando a preparação da direita para o golpe de Estado e realizando a campanha mais combativa contra a investida da direita.
Rui Costa Pimenta, autor do livro e presidente nacional do PCO, tem tido um papel fundamental na orientação do movimento da luta contra o golpe, especialmente através do programa Análise Política da Semana, transmitido pela COTV. De 2013 até o momento, centenas de horas da mais precisa análise política sobre os movimentos golpistas da burguesia e sobre a organização do movimento anti-golpe já foram gravadas.
Embora tenha como foco a discussão do golpe de 2016, o livro também discute outras questões fundamentais para a compreensão do momento em que o Brasil se encontra, como a situação internacional. Além disso, o livro faz uma abordagem ampla dos governos do PT, trazendo uma análise desde o primeiro Governo Lula, iniciado em 2003.

Nenhum comentário: