O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida

segunda-feira, 27 de maio de 2019

Uma reflexão sobre os “protestos a favor” - Paulo Roberto de Almeida


Uma reflexão sobre os ‘protestos a favor’

Paulo Roberto de Almeida
 [Objetivo: esclarecimento; finalidade: caráter didático]
  
Permito-me uma reflexão, exercendo meu direito de ser contrarianista, sobre o que considero serem os resultados mais evidentes das manifestações “populares”, de “protestos a favor”, deste domingo 26/05/2019:
A grande maioria das pessoas que foram às ruas manifestar não estava apoiando o livre funcionamento de instituições democráticas, sobretudo o de uma imprensa vigilante quanto a abusos e corrupção do poder. 
As pessoas estavam ali para apoiar um líder supostamente capaz de “melhorar” a vida das pessoas – segurança, emprego, aumento de renda, etc. – além e acima das instituições, como se esse apoio sozinho pudesse melhorar a situação como um todo, e como se parte dessas instituições (Congresso, STF, universidades, etc.) estivesse prejudicando ou impedindo o grande líder de atender aos reclamos da população. A ilusão do grande “líder” beira, sim, ao fascismo e ao autoritarismo. 
Assim como sob o feitiço do lulopetismo, a população se deixa engabelar pelo populismo demagógico, e o que é pior: com um suposto líder que não possui qualidades minimamente requeridas para atuar como estadista e contribuir efetivamente para a melhoria da difícil situação do Brasil. 
Lamento o quantum de energia desperdiçada nas ruas para quase nada. O único resultado visível das manifestações deste domingo 26/05/2919 eu considero ser o reforço do peso político de um “líder” que não possui nenhum requisito para liderar qualquer melhoria significativa da vida da maioria do povo brasileiro. 
Um dos cartazes exibidos por alguns true believers dizia isto: “Olavo tem razão”. Tem razão em quê, exatamente? Em que os militares “introduziram o comunismo no Brasil”? Em que eles são “bananas e frouxos” em combater os “inimigos da pátria”? No sentido em que o Congresso e o STF impedem o combate à corrupção? Em que o principal problema do Brasil é o “marxismo cultural”? Em que o fantasma do globalismo está “retirando soberania ao Brasil”?
Confiar em gurus ou em salvadores da pátria é o mais curto caminho para o autoritarismo e o reducionismo das causas singulares e a crença em soluções mágicas, que só trazem frustrações na sequência e que desorganizam ainda mais as nossas fracas instituições no quadro de uma democracia de baixa qualidade como é o Brasil.
Em resumo: a solução de nossos graves problemas deve demorar mais tempo do que o desejável, uma vez que parte da população resolveu deixar a solução desses problemas nas mãos de um suposto “líder”, notória e manifestamente despreparado para resolvê-los.

Paulo Roberto de Almeida
São Paulo, 27 de maio de 2019

Nenhum comentário: