O que é este blog?

Este blog trata basicamente de ideias, se possível inteligentes, para pessoas inteligentes. Ele também se ocupa de ideias aplicadas à política, em especial à política econômica. Ele constitui uma tentativa de manter um pensamento crítico e independente sobre livros, sobre questões culturais em geral, focando numa discussão bem informada sobre temas de relações internacionais e de política externa do Brasil. Para meus livros e ensaios ver o website: www.pralmeida.org. Para a maior parte de meus textos, ver minha página na plataforma Academia.edu, link: https://itamaraty.academia.edu/PauloRobertodeAlmeida;

Meu Twitter: https://twitter.com/PauloAlmeida53

Facebook: https://www.facebook.com/paulobooks

sábado, 30 de setembro de 2017

Coleção Educadores, do MEC: 63 livros disponíveis para os professores


Coleção Educadores

Os professores das redes públicas da educação básica de estados e municípios, que lecionam nas áreas urbanas e rurais, têm à sua disposição livros especialmente editados para eles. É a Coleção Educadores, que reúne 31 autores brasileiros e 30 pensadores estrangeiros que exercem influência sobre a educação nacional. A coleção inclui ainda o Manifesto dos Educadores e um índice. No total, 63 livros.
A coleção, lançada em novembro de 2010, durante as comemorações dos 80 anos de criação do Ministério da Educação, seguiu também para as bibliotecas públicas do país e de universidades, para as faculdades de educação e para todas as secretarias estaduais e municipais de educação. A distribuição das coleções foi feita pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).
As escolas receberam quantidades diferentes de livros, segundo a matrícula registrada no Censo Escolar. As 53,8 mil escolas com até 50 estudantes, receberam um acervo de 11 livros; as 30,9 mil com 51 a 200 matrículas, um acervo de 21 obras; as 26,5 mil escolas com 201 a 500 alunos, um acervo de 63 livros; e as 24,6 mil escolas com mais de 500 matrículas, dois acervos de 63 livros.
A obras retratam a evolução do pensamento educacional em 300 anos. A Coleção Educadores, que começou a ser organizada pelo MEC em 2006, integra as iniciativas do governo federal de formação inicial e continuada de professores das redes públicas estaduais e municipais. Cada volume traz uma apresentação do então ministro da Educação, Fernando Haddad, um ensaio sobre o autor, a trajetória de sua produção intelectual na área, uma seleção de textos — corresponde a 30% do livro — e cronologia. A última parte apresenta a bibliografia do autor e das obras sobre ele. Cada volume tem, em média, 150 páginas.

Manifestos – Faz parte da coleção a reedição de dois manifestos subscritos por expoentes da educação e da cultura do país e dirigidos à população e aos governos. Um é de 1932, subscrito por 24 personalidades, e o outro, de 1959, que teve a adesão de 161 educadores e intelectuais. Na apresentação da obra, o ministro da Educação, Fernando Haddad, diz que os documentos “assinalam etapas importantes da luta e sinalizam caminhos de impressionante atualidade”.
Ionice Lorenzoni
(Texto escrito em 24 de janeiro de 2011)


Os Educadores:
Manifesto dos Educadores

Henri Wallon
Jean Piaget
Lev Vygotsky
Anísio Teixeira
Cecília Meirelles
Fernando de Azevedo
Helena Antipoff
Lourenço Filho
Paulo Freire
Valnir Chagas
Bogdan Suchodolski
Carl Rogers
Édouard Claparède
Friedrich Fröbel
Johann Pestalozzi
John Dewey
Maria Montessori
Alceu Amoroso Lima
Darcy Ribeiro
Florestan Fernandes
Almeida Júnior
Alfred Binet
Andrés Bello
Anton Makarenko
Antonio Gramsci
Burrhus Skinner
Célestin Freinet
Domingo Sarmiento
Émile Durkheim
Friedrich Hegel
Georg Kerschensteiner
Ivan Illich
Jan Amos Comênio
Jean-Jacques Rousseau
Jean-Ovide Decroly
Johann Friedrich Herbart
José Martí
Ortega y Gasset
Pedro Varela
Roger Cousinet
Sigmund Freud
Aparecida Joly Gouveia
Armanda Álvaro Alberto
Azeredo Coutinho
Bertha Lutz
Celso Suckow da Fonseca
Dumerval Trigueiro
Frota Pessoa
Gilberto Freyre
Gustavo Capanema
Heitor Villa-Lobos
Humberto Mauro
José Maria Pires Azanha
Júlio de Mesquita
Manoel Bomfim
Manuel da Nóbrega
Roquette Pinto
Rui Barbosa
Sampaio Dória
Nísia Floresta
Paschoal Lemme

Índice de nomes (ou onomástico)
 

Nenhum comentário: